Desportos de Montanha

Vem fazer trekking, montanhismo ou alpinismo nestas montanhas:

No calendário estão todas as actividades programadas. Sabe mais sobre as actividades de montanhismo e de crianças e jovens.

Escalada, Vias Ferratas e Cursos Técnicos

Vem escalar nas melhores falésias de Portugal:

No calendário estão todas as actividades programadas. Sabe mais sobre os cursos e actividades de escalada e de crianças e jovens. Temos também formações para monitores aventura e cursos de fotografia.

Desportos de Neve e Trekking Urbano

Vem descobrir o mundo do Ski e Snowboard em pista ou em neve virgem na Montanha:

Trekking Urbano:

You are here

Ski e Snowboard em Pista

 

O ski é uma actividade com quase 5000 anos.. Apesar do ski moderno ter as suas origens na Escandinávia, há registos de ser praticado  no séc VI AC no território que hoje é a China. A palavra "ski" tem a sua origem no Norueguês antigo -skíð- que se traduz em duas peças de madeira.

Skis assimétricos furam usados na Finlândia até ao final do séc XIX em que um ski era longo e não arqueado para deslizar e o outro era curto com peles por baixo para empurrar. Nesta altura usava-se apenas um baton longo tipo lança. A primeira imagem de um esquiador com dois bastões é de 1741. Nesta altura o ski era usado como meio de transporte e apenas depois se transformou numa diversão e desporto.

 

No início do sec XX os equipamentos sofreram uma revolução e apareceram os primeiros meios mecânicos tendo a modalidade evoluído para ski Alpino e Nórdico.

 

Ski Alpino, ou ski downhill, é a modalidade desportiva que consiste em deslizar por descidas cobertas de neve em skis com fixações de calcanhar fixo. Requer apoio de meios mecânicos para a subida e é praticado em estâncias com pistas tratadas, canhões de neve, restaurantes e equipas de resgate. O ski fora de pista usa o mesmo material que o ski Alpino mas a subida aos terrenos não tratados é feita por helicóptero ou "ratrac".

 

Ski Nórdico, é a modalidade desportiva que consiste em progredir em terrenos nevados com pouca pendente, recorrendo a ski mais longos e finos com fixações que permitem que o calcanhar esteja solto à semelhança do Ski de Travessia.

 

O Snowboard moderno aparece mais tarde, em 1965 quando Sherman Poppen inventou para as suas filhas um brinquedo que consistia em dois ski unidos, como uma prancha, com uma corda atada a uma das extremidades para poder ajudar a controlar a descida das crianças. Este brinquedo, batizado de "snurfer" foi um sucesso tão grande que foram vendidos nos anos a seguir cerca de um milhão de unidades.

 

Em 1977, Jake Burton Carpenter, apresenta o primeiro "snurfer" com fixações e dois anos depois apresentou aquela que seria a primeira prancha de snowboard moderna.

Infelizmente no início as estâncias não permitiam a prática da modalidade nas suas pistas o que levou a uma crescente animosidade entre esquiadores e riders que se mantém até aos dias de hoje. Uma das justificações apresentadas era que um rider inexperiente poderia retirar a neve nas pistas. Mesmo nos anos 90 a maioria das estâncias tinham áreas separadas para esquiadores e riders.

 

O ponto de viragem foi 2004 com 6.6 milhões de rider nos US e em que os porta vozes da industria disseram que "riders de 12 anos andam hoje mais do que adultos, a maioria dos riders tem entre 18-24 anos e que 25% são do sexo feminino".

 

Claro que não podemos falar da Serra da Estrela sem falar de ski e snowboard, sendo esta montanha a única em Portugal com condições para a prática destes desportos. Apesar de a época ser pequena, a Estrela tem boas condições para a prática de ski de travessia, e a estância é excelente para aprender e para as crianças (até porque tem um tapete) e serve para ir treinando aproveitando a sua proximidade geográfica.

 

Aprender ski

 

Existem muitas formas de te iniciares ou evoluíres nestas modalidades, sendo que a forma mais comum nas estâncias é a de ensinar a "cunha" (wedge, snow plow) em aulas de uma hora. Infelizmente esta técnica está completamente desatualizada. A tecnologia dos skis de hoje em dia faz com que a aprendizagem seja muito mais eficiente se tiver uma nova aproximação.

 

Mais, aprender a fazer "cunha" não só não te prepara em nada para esquiar - nunca se viu um esquiador de competição a fazer cunha - como te prende numa posição de "conforto" da qual terás mais dificuldade em sair caso queiras evoluir a tua técnica.

 

A "cunha" é uma maneira rápida (aulas de 1 hora) que as estâncias têm para maximizar o numero de "esquiadores" que a frequentam.

 

 

 

Com os instrutores da 7Cumes não vais ter aulas de ski ou snowboard de 1 hora, pois sabemos que não é o suficiente para aprenderes e desfrutar de cada descida. Poderás ter aulas de um dia ou meio dia numa relação de no máximo 2 alunos por instrutor. Estas aulas são normalmente dadas na Serra da Estrela, mas podem ser dadas noutras estâncias sob orçamento (Serra Nevada, Bejar La Covatilla, San Isidro e outras estâncias dos Picos de Europa) .

Quais as vantagens de fazeres a tua aula connosco:

- Iremos usar uma pedagogia em que a cunha apenas serve para travagens de emergência, e que logo no início irás aprender a controlar a direcção e a travar usando a técnica correcta;

- Todos os nossos equipamentos são de qualidade, estão bem mantidos, e temos vários tamanhos de skis e pranchas, desde os mais pequenos do mercado a vários tamanhos de adulto; 

- Marcando com antecedência connosco, não tens que ficar na fila para as aulas, fila para o aluguer, fila para o forfait...

 

Para mais informações contacta-nos, e procura mais info em www.facebook.com/7cumes ou segue o nosso Blog.

 

Theme by Danetsoft and Danang Probo Sayekti inspired by Maksimer